Palácio Museu Olímpio Campos -
    
   
GOVERNADORESINSTITUCIONAL O PALÁCIO NOTÍCIAS GALERIAS ARTIGOS e TEXTOS PROGRAMAÇÃO CONTATOS

 

A República em Sergipe – (1889 até os dias de hoje)

Com a Proclamação da República, em 1889, a Província de Sergipe passa a ser um dos Estados da Federação, tendo sua primeira Constituição promulgada em 1892. Neste período, duas juntas provisórias ocuparam o governo, até que no 13 de dezembro, assume Felisberto Freire, vindo a se tornar o primeiro governador de Sergipe. A República não trouxe para Sergipe mudanças estruturais na sociedade. Logo depois de consolidado o movimento, as oligarquias aderiram e legitimaram o novo regime, apesar de o novo ordenamento político ter trazido modificações institucionais significativas.

 

GOVERNADORES DE SERGIPE

1   2   3   4   5  
Antônio Leonardo da Silveira Dantas
Antônio Leonardo da Silveira Dantas
28.07.1896 a 03.09.1896 / 06.10.1896 a 23.10.1896
Antônio de Siqueira Horta
Antônio de Siqueira Horta
04.09.1896 a 05.10.1896
João Vieira Leite
João Vieira Leite
14.09.1894 a 24.10.1894
José Calazans
José Calazans
18.05.1892 à 13.09.1894
Felisbelo Firmo de Oliveira Freire
Felisbelo Firmo de Oliveira Freire
13.12.1889 à 17.08.1890

 

 

Mapa do Site
Institucional O Palácio
Notícias Galerias
Artigos Programação
Contatos Tour 360°
Jogos Planta 3D
Biblioteca  
Administração

DIRETOR: Alberto Araújo
TEL: (79) 3198-1462
Coordenação de Acervo Museológico 
Setor que abrange a curadoria e a monitoria, sendo responsável pelas informações e pelo acervo museológico do Palácio-Museu, e orientação dos visitantes e também, pela expografia dos seus ambientes.

COORDENADORA: Izaura Ramos
TEL: (79) 3198-1454
Coordenação de Pesquisa e Educação . Setor que abrange os serviços de arquivologia, pesquisa, comunicação e de ações educativas.

Palácio-Museu

A definição de casa-museu ou palácio-museu prevê a proteção da propriedade natural ou cultural, móvel ou imóvel, em seu local original, ou seja, preservada no local em que tal propriedade foi criada ou descoberta. Para que isso aconteça é necessário promover a restauração do patrimônio e utilizá-lo com fins didático-pedagógicos e culturais. Além disso, o Palácio-Museu Olímpio Campos promove eventos abertos ao público, a exemplo de exposições fotográficas, mostras de artistas, lançamentos de livros, entre outros. O novo projeto disponibiliza também serviços de guia para visitação, curadoria, pesquisa, documentação histórica, cafeteria e livraria etc.
Todos direitos reservados ©
Secretaria de Estado da Casa Civil